sexta-feira, 9 de outubro de 2009

A troca'

É um pouco de saudade, é um pouco de bem querer, um pouco de maldade, um pouco de mal querer, meu mal, meu bem.

Mandando em meus pensamentos, conduzindo minhas emoções, e quando não houver mais jeito, e enquanto o dia se vai, eu paro nas horas procurando um motivo para tudo, Que me faz viver...

o que conduz minha respiração.

Perco-me em palavras sem sentido, em busca da razão para a forma dos batimentos da minha mente, para a respiração do meu coração, para os pensamentos dos meus pulmões.

Com meu mundo invertido, convertido apenas na beleza de teu ser.

4 comentários:

  1. Ainda irei ler livretos escritos por ela...

    ResponderExcluir
  2. ótimo como sempre.. :D

    ResponderExcluir
  3. Na falta de um adjetivo melhor, seus textos estão ficando MAGNÍFICOS :)

    ResponderExcluir